Qual é a importância do Shemagh no airsoft?

O papo de hoje é sobre o tão famoso Shemagh (keffiyehs ou ghutrahs), ou como também é conhecido lenço árabe, amplamente utilizado nas ações táticas.

Antes de ambientar o Shemagh no uso cotidiano das ações táticas esportivas, praticadas por aqui, vamos apresentar um breve resumo sobre sua história.

O Shemagh basicamente é um lenço grande de algodão, na medida de 1,10m, que tem sua origem no Afeganistão e foi amplamente difundido nesse território. Rapidamente, ele foi adotado durante as guerras e passou a ser utilizado também no dia a dia das pessoas que por lá residem. Para se ter uma ideia, as crianças quando entram no ensino fundamental no Iraque, aprendem a utilizar o acessório!

Uma definição muito simples sobre os Shemaghs é que eles são acessórios de sobrevivência, utilizado em territórios que vivem em constante conflito.

O uso do Shemagh no airsoft

O uso do Shemagh no airsoft

Esse acessório inicialmente era muito comum de ser visto nas cores caqui e verde, mas de fato no dias de hoje, passou e ser disponibilizado em diversas estampas e cores, na qual em cada unidade militar pode ser visto a personalidade de cada um estampada nos desenhos e cores.

O Shemagh tem muitas utilizações, como: bandana, véu facial, cachecol, guarda sol improvisado, pode-se fazer uma funda (tipo de arma rudimentar), funcionar como meias, bolsa, toalha, corda, filtrar impurezas da água, entre outras inúmeras funções.

Você pode improvisar uma joelheira, uma venda para os olhos, ou pode usar como cinto improvisado e até um torniquete quando necessário.

No ambiente tático, costumeiramente no airsoft, o Shemagh é um material que além da proteção de diversas áreas do corpo, como o rosto, mãos e pernas, além de camuflar o que for necessário, por seu material ser resistente e de alta durabilidade, também é indicado para proteger contra insetos ou folhas cortantes.

 

Curtiu nosso post de hoje? Lembrando que se houverem dúvidas, críticas ou sugestões de review, nós ficaremos muito felizes em responder. Então é só deixar o seu comentário!

Veja também...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *